Avaliando a NuConta

Tempo de leitura: 2 minutos

A conta que o NuBank está oferecendo aos clientes é uma novidade. Não se trata de uma conta corrente e sim uma conta de pagamentos. Quando o banco criou a NuConta, esta não podia ser corrente porque a instituição tinha 100% do seu capital de seu capital social fora do Brasil.

A empresa explica: “De acordo com a regulação vigente do Banco Central, para essa modalidade, o dinheiro depositado fica separado do patrimônio do Nubank e só pode ser usado para aplicações em Títulos Públicos Federais”.

 Portanto, trata-se de uma conta de pagamentos, gratuita e uma forma de investimento de baixo risco!

Dessa forma, o dinheiro que é transferido para sua NuConta é aplicado em títulos públicos (baixo risco), que estão prefixados a um rendimento de 100% CDI. Rendendo diariamente, pode-se usar o dinheiro quando o cliente quiser.

“A aplicação financeira é feita pelo Nubank em títulos públicos atrelados à Selic (Tesouro Selic, a antiga LFT). Essa aplicação, diferente de quem aplica no Tesouro Direto, não é registrada em nome do cliente. É uma aplicação feita diretamente pelo Nubank no Tesouro Nacional enquanto investidor institucional. Por isso, não há cobrança daquela taxa de custódia obrigatória de 0,3% ao ano, como acontece com o investimento no Tesouro Direto”.

 “A tributação desse investimento será feita no momento do saque e vai obedecer às regras de IR e IOF tal como outras aplicações em renda fixa. Trocando em miúdos: tabela regressiva do Imposto de Renda e IOF nos casos de saques feitos antes de 30 dias da data da aplicação”

 

E o que mais a NuConta oferece?

A NuConta ainda é limitada. O próprio NuBank não recomenda encerrar suas outras contas e ficar só com ela. As telas são:

-Minha conta: exibe as informações de sua conta e permite a geração de boletos para depósitos;

-Pagar: permite pagar sua fatura do cartão e boletos bancários;

-Transferências: permite realizar transferências do mesmo banco e TED’s gratuitamente;

 

O que não oferece?

Voltando às suas limitações, o que não dá para fazer:

-Pedir um cartão de débito;

 -Sacar dinheiro: o saque pode ser feito via crédito, porém é limitado a 5% do limite e você pago IOF de 0,38% mais 0,0082% por dia até atingir 3% do montante retirado.).

-Agendar transferências;

 -Recarregar celular;

 

Justamente por estes fatores, hoje, ainda não é minha conta principal, mas o que ela tem a oferecer me agrada bastante. Recebo meu dinheiro nela e deixo rendendo até o momento de pagar minha fatura.

O NuBank está incrementando as melhorias, como o agendamento de transferências e outras coisas que estão por vir.

Desde de Janeiro de 2018, ela virou realmente uma financeira e acredito que a NuConta irá ganhar espaço até se tornar minha conta principal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *